Roda de Conversa no Abrigo do Bom Jesus debate diversidade e inclusão no ambiente de trabalho

Diversidade e inclusão no ambiente de trabalho foi tema da última roda de conversa entre os colaboradores do Abrigo do Bom Jesus e a assistente social, Aleteia Rufino, gerente de Investimento Social da Fundação Andre e Lucia Maggi.

O encontro ocorreu esta semana e trouxe para a roda o mapa da diversidade culturais, de gênero, racial, etária, biológica e outras que foram listadas pelos próprios participantes da roda.

Para Aleteia Rufino somente por meio da inclusão é possível criar um ambiente acolhedor e respeitoso onde as pessoas são valorizadas e têm igualdade de oportunidades, independente de suas diferenças.

Pontuando os benefícios de trabalhar numa equipe diversa e inclusiva, Aleteia Rufino apontou os desafios da diversidade no ambiente de trabalho, e quais ações podem ser tomadas para promover a inclusão nas organizações.

Considerando que o próprio Abrigo do Bom Jesus é um excelente laboratório para inclusão, a facilitadora enalteceu o espírito acolhedor dos colaboradores cuja atividade profissional requer esta característica do profissional no trato e zelo com o seu cliente , o idoso ali albergado.

Na jornada pela diversidade e inclusão, a diretora presidente da Fundação, Conselheira e voluntária Márcia Ferreira aposta na educação corporativa.

“Diversidade e inclusão é uma pauta que fala sobre pessoas, singularidades, vivências, experiências e formas de se colocar dentro ou fora do ambiente de trabalho”.

Pesquisa

De acordo com relatos da diretora e jornalista Márcia Ferreira, a Associação Brasileira de Comunicação Empresarial publicou, recentemente,  um estudo que retrata o olhar do funcionário para a temática da diversidade como uma questão de justiça e moralidade.

“Qualificar a cultura organizacional é meio eficaz de aumentar a própria eficiência interna por meio das variáveis habilidades e cenários identificados”.

Márcia Ferreira ainda destacou que todo o pleno do Conselho Deliberativo da Fundaçao Abrigo do Bom Jesus – formado por 19 Conselheiros voluntários -, está comprometido com a diversidade e a inclusão, que fortalecem a reputação e a própria imagem da organização, que este ano completa 83 anos de atividades ininterruptas. Aacolhendo idosos, na sua maioria, abandonados pelos familiares.

Serviço

O Abrigo do Bom Jesus é uma entidade filantrópica situada à Av Historiador Rubens de Mendonça, próximo à 13ª Brigada de Infantaria. Doações e visitas podem ser agendadas pelo telefone 65 98112-0188