Lidando com as emoções

Compreendendo as emoções. Esta foi a temática da roda de conversa desta última terça-feira, dia 25 de abril, reunindo os colaboradores do Abrigo do Bom Jesus, e tendo como facilitadores a psicóloga da entidade, Luzinete Lara e o diretor do Abrigo, o psicanalista Jamil Queirós.
Para lidar melhor com a rotina do trabalho, os facilitadores evidenciaram a necessidade do gerenciamento das emoções, mostrando a todos a importância do equilíbrio e da inteligência emocional.
Falando aos seus colegas de trabalho, a psicóloga Luzinete Lara pontuou a diferença entre emoções e sentimentos. Mostrou ainda que nossas emoções dependem de níveis de neurotransmissores que ativam partes do nosso cérebro que desencadeiam diferentes respostas, a exemplo do humor, da fúria e outros.
As emoções são medidas em respostas fisiológicas, como batimento cardíaco, sudorese, liberação de adrenalina, entre outras variantes.

Conceituando os diferentes tipos de emoções, juntamente com o psicanalista e diretor do Abrigo Bom Jesus, Jamil Queiros, os facilitadores ainda enalteceram a atenção que todos devam ter ao lidar com as consequências de suas emoções no ambiente de trabalho para se obter um bom desempenho profissional. Segundo eles, como toda emoção é fruto de um estímulo, é importante lembrar que nesse processo as emoções influenciam os relacionamentos e o ambiente de trabalho.
As rodas de conversa com colaboradores do Abrigo do Bom Jesus acontecem todas as semanas, num propósito de interagir profissionais de diferentes áreas e promover a qualificação e a troca de conhecimentos.
O Abrigo do Bom Jesus está localizado à avenida Historiador Rubens de Mendonça s/n, em Cuiabá. Atualmente, a entidade abriga 80 idosos que, na sua maioria, foram abandonados por seus familiares. Visitas e doações podem ser agendadas pelo telefone 65-98112-0188.